Os currículos na comunidade científica…

Este texto “A agonia dos currículos” cativou-me a lançar a questão:

Qual o melhor currículo  ou qual o currículo preferencial na comunidade científica?

a) Os clássicos currículos Europass;

b) Os currículos dos perfis da Fundação para a Ciência e Tecnologia ou os mais modernos currículos do Plataforma de Curricula DeGóis;

c) Open Researcher and Contributor ID (ORCID).

Se não me engano, qualquer candidato a uma bolsa de doutoramento e pós-doutoramento, ou mesmo a projectos da Fundação para a Ciência e Tecnologia, será avaliado pelos currículos referidos na alínea b). Será a melhor maneira de avaliar CVs?

Qual a maneira de um recém-licenciado que queira concorrer a uma bolsa de investigação ou a uma bolsa de doutoramento sobressair? Será  um recém licenciado apenas  avaliado pela sua média final de licenciatura e a sua formação?

Qual a melhor maneira de avaliar um  candidato a Pós-Doutoramento ou  a uma vaga de Investigador? Pelo número de publicações? Pelo número de citações? Pelas publicações em revistas com factor de impacto elevado na área? Serão importantes as orientações de trabalhos de mestrado ou doutoramento?

Se tivessem que escrever o currículo apenas numa  folha A4, o que escreveriam?

Será que as próximas entrevistas de emprego serão como as do IKEA?
funny-IKEA-job-interview

Anúncios

1 comentário a “Os currículos na comunidade científica…”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s